Follow by Email

quinta-feira, 12 de abril de 2012



A saudade é como uma dor sem dor
Saudade do amor que sumiu
Saudade da mãe que já partiu
Saudade da infância que ficou

Saudade do primeiro beijo
Saudade dos amigos que nem conheço mais
Saudade das brincadeiras de criança
Ah! Saudade como dói

E como guardo na lembrança
A dor da traição, mas é a 
Saudade que ficou de tudo que acabou
 Apenas SAUDADE!

                                                         De: Rosa Edna Bulcão

3 comentários: